O que é plágio e como não cometer | Follow your dreams
Blogosfera

O que é plágio e como não cometer

Oi pessoal!

Se você tem um blog, vai passar por isso pelo menos uma vez na vida, ou várias. Apesar de ensinar o leitor a fazer seu conteúdo e muitas vezes até fornecer modelos prontos e gratuitos pra baixar, acreditem, ainda sou vítima frequente do plágio. Confesso, não sofro mais tanto quanto no início, mas ainda faço a minha parte explicando para a pessoa que me plagiou que ela fez algo errado e pedindo que remova, pois sei que em alguns casos se trata apenas de falta de informação.

Por isso resolvi criar esse post e tentar esclarecer o que é plágio e te ajudar a espalhar conteúdo por aí sem cometê-lo. Deixo aqui bem claro que não sou advogada e nem pretendo ser, mas por trabalhar com prestação de serviços tive que me informar para me proteger e proteger os meus clientes.

O que é plagio e como não cometer

Antes de tudo precisamos deixar claro:

Plágio é crime.
 

Trouxe alguns trechos da lei 9.610 (a lei que regula os direitos autorais) para embasar o post.
Filtrei o que achei mais interessante para nós blogueiros(as).

TÍTULO III. CAPÍTULO II.

Artigo 24. São direitos morais do autor:

I – o de reivindicar, a qualquer tempo, a autoria da obra;
II – o de ter seu nome, pseudônimo ou sinal convencional indicado ou anunciado, como sendo o do autor, na utilização de sua obra;
V – o de modificar a obra, antes ou depois de utilizada;
VI – o de retirar de circulação a obra ou de suspender qualquer forma de utilização já autorizada, quando a circulação ou utilização implicarem afronta à sua reputação e imagem;

 

TÍTULO III. CAPÍTULO III.

Artigo 28. Cabe ao autor o direito exclusivo de utilizar, fruir e dispor da obra literária, artística ou científica.

Artigo 29. Depende de autorização prévia e expressa do autor a utilização da obra, por quaisquer modalidades, tais como:
I – a reprodução parcial ou integral;
III – a adaptação, o arranjo musical e quaisquer outras transformações;
Art. 37. A aquisição do original de uma obra, ou de exemplar, não confere ao adquirente qualquer dos direitos patrimoniais do autor, salvo convenção em contrário entre as partes e os casos previstos nesta Lei.

 

Copiei mas editei depois. Estou cometendo plágio?

SIM! Se você usou qualquer trabalho de alguém, mesmo que tenha modificado depois, o trabalho inicial não foi seu e o autor ainda tem direitos sobre ele. Você ainda precisa pedir autorização e creditar o autor. Na verdade, você precisa pedir autorização até para editar o trabalho.

 

Posso copiar um conteúdo e colocar créditos?

Ao contrário do que todo mundo pensa: NÃO! Mesmo colocando créditos, o correto é pedir autorização.

 

Comprei um conteúdo. Posso remover os créditos? Os direitos autorais são meus?

NÃO! A não ser que tenha sido estabelecido com o autor.
Se você trabalha com esse tipo de serviço, recomendo que deixe essa parte especificada no contrato.

 

Copiar integralmente um post que você achou legal é plágio.
Usar a imagem de alguém no seu blog sem autorização é plágio.
É uso indevido de um conteúdo que não é seu.
E o dono desse conteúdo pode te processar? Pode sim sinhô!

TÍTULO VII. CAPÍTULO II.

Artigo. 102. O titular cuja obra seja fraudulentamente reproduzida, divulgada ou de qualquer forma utilizada, poderá requerer a apreensão dos exemplares reproduzidos ou a suspensão da divulgação, sem prejuízo da indenização cabível.

Artigo. 103. Quem editar obra literária, artística ou científica, sem autorização do titular, perderá para este os exemplares que se apreenderem e pagar-lhe-á o preço dos que tiver vendido.

Parágrafo único. Não se conhecendo o número de exemplares que constituem a edição fraudulenta, pagará o transgressor o valor de três mil exemplares, além dos apreendidos.

 

Removi o conteúdo que plagiei mediante solicitação do autor. Ainda posso ser processado?

Pode sim!

 

Vendi o conteúdo de outro autor. Qual seria minha punição?

O conteúdo vendido poderá ser removido e você deverá pagar ao autor o valor recebido pela venda.

 

Mas eu gostei de um conteúdo. Como faço pra trazê-lo para os meus leitores sem plagiar?

1. Você pode escrever um post comentando o conteúdo que te interessou e pode até citar alguns trechos do autor se desejar: “Gostei desse post da fulana de tal pois ela traz uma visão interessante sobre o tema x…”.

2. Você pode fazer uma lista de links interessantes: “Links da semana”, “Follow Friday”, etc. Existem vários modelos divertidos de espalhar conteúdo sem ofender ninguém.

3. Você pode se inspirar nesse conteúdo e criar o seu próprio! Por exemplo, nesse post aqui eu indiquei um post que gostei muito da Renata Vitrola e trouxe a minha própria versão dele.

 

Prontinho! Se você foi guerreiro(a) e leu tudinho, já está pronto para blogar de maneira correta sem prejudicar ninguém. E já sabe também como proteger seu próprio conteúdo! :)
Espero que tenham aprendido e gostado. Um beijo! Coracao8

39 Comentários

  1. Amei o post, e por mais que eu já tenha conhecimento sobre isso, me tirou algumas dúvidas. Só queria saber mais uma coisinha: se quero ilustrar meu post com alguma imagem que eu achei no tumblr, porém ela não tem créditos e eu nem sei de onde veio porque ela anda circulando em vários outros tumblrs, não revelando sua origem. E blogueiras muito famosas também a utilizam, isso seria plágio? Porque vejo muita foto legal no tumblr, não mostra ser livre e ao mesmo tempo não sei de onde veio, está em vários sites/blogs. E como sou nova nisso, fico meio perdida. Caso você tenha conhecimento disso e puder me ajudar ficaria muito grata! Beijos!

    1. Oi Emily, que bom que gostou do post e que ele foi útil pra você, fico feliz :)
      Na verdade nessa questão específica não sei te dizer. Eu (minha opinião) acho que não é legal, apesar de infelizmente ser tão comum até em blogs famosos como você mesmo disse.
      No meu caso, só utilizo imagens que não são minhas quando o meu objetivo no post é falar sobre aquela imagem (s), e sempre coloco o link de onde achei (seja Pinterest, WeHeartIt ou Tumblr). Por exemplo, para dar dicas de decoração uso outras fotografias como inspirações.
      Mas para ilustrar posts de assuntos gerais uso sempre fotografias minhas, como fiz nesse post. Acho que todos deveriam tentar fazer isso, mesmo que a qualidade da fotografia não seja a mesma daquelas do Tumblr (porque né?! só em sonho) mas vale a pena pra se certificar de que tudo está dentro dos conformes :)

      Um beijo!

    2. Oi, vou me meter no assunto, pois andei pesquisando sobre imagens e achei esse post http://viverdeblog.com/imagens-para-blog
      É uma listagem de sites para baixar imagens que são liberadas para uso em blogs.
      Existem muitos sites do tipo, uns pagos e outros gratuitos.
      Alguns precisam ser pesquisados em inglês, tipo se você quer imagens que tenham flores, procure por flowers.
      Já estou trocando aos poucos as imagens do meu blog http://www.cupidobrega.com.br

      Espero ter ajudado e desculpa a intromissão

  2. Eu realmente gostei desse post, tinha algumas dúvidas que foram bem esclarecidas!
    Eu não sabia que a foto também acontecia isso, e agradeço por ter explicado isso. Espero não ter cometido nem cometer plágio, realmente não é algo que gostaria que acontecesse comigo.

    1. Muito obrigada! :)
      Só por pensar dessa forma, tenho certeza de que você não está prejudicando ninguém.
      Um beijo e continue assim!

  3. Este é um daqueles posts que toda a blogosfera deveria ser obrigada a ler rsrs
    Esta completo, bem escrito, bonito e concordo com tudo. Quem comete plágio e alega que não sabia tem é muita cara de pau kkkk
    Um beijo

    1. Stephanie, obrigada! :)
      Na verdade na falta de informação eu até acredito. O que não acredito mais é naquelas histórias que sempre ouço: “fulano que fez pra mim” ou “peguei em outro site e não sabia que era seu”. Ah, se eu ganhasse 1 dólar por cada vez que ouvi essas duas.. rs
      Um beijo!

  4. Excelente post!
    Quando utilizo fotos, sempre coloco o link de onde achei (pinterest, weheart, e-mail)
    estou fazendo certo? Gosto de deixar tudo claro no meu blog.

    beijos

    1. O ideal seria pedir permissão, mas quando você não encontrar o site fonte, pelo menos colocar o link de onde achou (do Pinterest, etc.) já demonstra que sua intenção não era “roubar o crédito”, mas que apenas não achou o autor, sabe?!
      Bjs

  5. Oi Karoline!!!

    Gostava de saber se me pode ajudar? Estou a criar o meu blog, coloquei um código para colocar todas as imagens das postagens do mesmo tamanho. Mas queria que as imagens das páginas estáticas ficassem com o tamanho original. Mas colo coloquei aquele código. Agora todas as imagens ficam do mesmo tamanho, incluindo as das páginas estáticas. Como posso alterar isso? (estou a usar o blogger)

    Bjos :)

    1. Oi Ana, se você limitou todas as imagens, limitou todas as imagens. O Blogger não sabe “selecionar” quais você não quer limitar, o código é geral. Entende?
      Por esse motivo nunca indiquei esse código, sempre recomendo deixar a preguicinha de lado e redimensionar todas as imagens antes de postar. Faço isso aqui no blog. :)
      Bjs

  6. Sempre acho interessante ler esses post sobre plágios.
    Por que por exemplo, eu pensava que se creditando o autor não precisasse de autorização.
    Muito importante isso.
    Gostei como você colocou simples e fácil de entender.

    1. Eu também pensava, ao analisar direitinho essa lei entendi que precisa pedir autorização sim. Mas se creditar já é algo raro na internet, imagina pedir permissão, né?! Infelizmente..
      Bjs e obrigada por comentar!

  7. Adoro os textos do Casal Sem Vergonha e sempre que me identifico muito com um copio e colo no blog, mas coloco o link da postagem e dou os créditos, achava que só isso era suficiente, não sabia que era plágio :/
    Obrigada pelos esclarecimentos. =*

  8. O post é maravilhoso, ajuda muito. Mas ainda sim tenho uma simples dúvida: Ler um conteúdo e fazer um post no blog com as minhas palavras, mas ainda assim colocando trechos do conteúdo e colocando créditos no final é plágio? Ficarei muito agradecida se poder me responder.

    1. Oi Maria, como mencionei no post, existem formas de citar um conteúdo sem copiar e colar o post, que mesmo com créditos prejudica o autor, pois o Google remove de suas pesquisas conteúdos duplicados. Se possível, utilize uma das formas que indiquei pra mencionar esse post que gostou, e muitíssimo obrigada por comentar! :)
      Um beijo

  9. Gente, este tema é tão polêmico, né?
    Eu me preocupo muito com isso. Não só pelo fato de que tenho um blog e se quero que ele tenha reconhecimento é importante fazer as coisas corretamente, mas também por ser publicitária – não quero meu nome associado a problemas de direitos autorais, já pensou? :o

    Aproveitando, queria te dizer que te indiquei para uma TAG lá no meu blog. É a “Complete a Frase”. Vim pesquisar e acho que você nunca fez esta…

    Amei este post, ajudou muito! :)

    Beijos,
    Andréia Campos
    http://petitandy.com

  10. Sempre me preocupei muito com isso, desde que iniciei o blog. Eu sempre procuro imagens em sites com direitos autorais livres ou, quando encontro no Deviant Art, peço a autorização do autor antes de usar. E quando quero citar um post bacana, faço aos domingos, com os links da semana, pra não ter complicação hahahahahah.

    É muito chato você se matar para criar um conteúdo bacana, e outra pessoa simplesmente copiar e utilizar, se achando o dono do mundo =/

  11. Olá (novamente) Ótimo post. Eu gostaria de saber se pegar fotos do Google imagens é plágio?E sendo um blog privado, tendo imagens do Google, continua sendo plágio? E por última: Em sua opinião qual seria a melhor plataforma para ter um blog privado? Obrigada.

  12. Oii! Eu queria pedir desculpa por que eu usei seus moldes no meu blog (botei credito) mais eu não sabia que tinha que pedir autorização.Sou nova nessas coisas e estou aprendendo já apaguei quando ví esse post mais ainda me sinto mal e vim aqui pedir desculpa! Por favor me desculpa! Amo seu blog e me inspiro em você!

    1. Oi Kemily, que moldes?
      O conteúdo que disponibilizo na categoria “Freebie” você pode utilizar sem creditar. Apenas a reprodução de posts que eu preciso autorizar antes.
      Bjs

  13. E sobre os templates disponibilizados para o blogger, a maioria pega, personaliza e ainda diz que foi feito completamente por ela, rs. Acredito que modificar, pode, afinal, eles mesmo dão a ferramente pra isso, mas e tirar os créditos e dizer que foi você que fez? Isso é plagio, correto?

  14. Oi moça, boa noite! Primeiro queria parabenizar pelo seu espaço e trabalho pois ambos são lindos. Estou com dúvidas sobre como creditar ícones de redes sociais que você disponibilizou como Freebie. O crédito pode ficar em qualquer lugar da página ou necessariamente tem que estar logo abaixo dos icones? Obrigada.

    1. Oi Loridane, todos os freebies que eu posto aqui no blog não precisam ser creditados, o uso é livre e gratuito. Só não podem ser comercializados ou repostados, caso queira divulgar algum freebie deve indicar o link do post do meu blog. Mas muito obrigada por perguntar! :)
      Um beijo

  15. karol, posso levar esse conteúdo para meu blog, no inicio coloco que li e achei legal, e coloco todos os seus créditos, quero muito que minhas leitoras saibam sobre o plagio para não cometer!!

  16. Karol,
    Comprei o domínio do meu blog e criei uma fan page para o mesmo, recentemente fui acusada de plagiar, ou seja, usar o mesmo nome de uma fan page que só muda um prefixo.
    É plágio? Como proceder?

  17. Oi Karoline, eu uso algumas imagens do Google, um exemplo é um post de Dicas de como decorar um quarto com luzes pisca-pisca estilo tumblr, eu simplesmente pesquisei algumas imagens de exemplo no google, copiei e colei. Estou cometendo plágio? Por favor me responde, quero ser uma blogueira de forma correta, com o meu próprio conteúdo.

    1. Eu no final da postagem, deixei bem claro que todas as imagens foram retiradas do serviço de busca online Google, e que os Direitos Autorais eram dos respectivos proprietários. Ainda estou errada?

      1. Oi Cah, é necessário que você coloque o link de onde encontrou cada imagem. Na teoria, ainda sim estaria errado, mas se tiver esses links de crédito o autor pode reconsiderar e permitir que você use, já que agiu com boas intenções. Beijos!

Deixe uma resposta